Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sussurros Sinistros

Sussurros Sinistros

Estigmas sinistros

YHWH é uma personagem que entrou em meu arquivo de memória na primeira infância graças às numerosas bíblias que os adultos não liam, mas me davam para ler. O pessoal costumava dizer que YHWH é o bicho papão que pune o humano malcriado que fala palavrão, chora alto, faz pirraça ou fica rindo feito um bobo alegre. Certa vez passei uma semana entrevistando colegas de classe e copiando num caderno todas as palavras de baixo calão que deveriam despertar a ira de deus.  Depois procurei um nicho isolado a céu aberto e entoei o mantra a fim de averiguar se um raio cairia em minha cabeça. Não aconteceu nada, mas YHWH ri disso até hoje e de vez enquanto me da uns tabefes. 

Percebo que YHWH está por perto quando o sonho parece um mundo paralelo com som, cheiro, tato, gosto, cores vivas e um cenário imenso cheio de detalhes tão minúsculos quanto ladrilhos, grama e passarinhos. Embora eu quase nunca perceba que estou sonhando com quimeras e absurdos, sempre sei que o cenário bonito e realístico é só um sonho. Quando YHWH atinge minha imagem onírica eu sinto dor como se me arrancassem pedaços de carne e quebrassem ossos. Mesmo assim eu e Jacó conseguimos vencer a briga em nossos respectivos sonhos, terminando por estabelecer um relacionamento cordial com a personagem divina. Outros personagens podem me despedaçar a vontade sem conseguir me fazer sentir qualquer coisa numa luta. 

Quando o arcanjo Gabriel me atingiu com uma lança na barriga acordei com um foco de hemorragia interna que me fez menstruar ininterruptamente por dois meses seguidos, mas isso não foi milagre. De acordo com o laudo da ultra-sonografia emitido no dia seguinte, em 26/06/2004, pela Dra. Maria Izabel Azevedo Gilabert, o sangramento foi causado pelo aparecimento de dois cistos de 23 mm e 15 mm cada, localizados em meu ovário direito. Eu tinha 25 anos, não fazia uso de medicamentos nem de anticoncepcionais. Com o tempo isto estourou e se esvaiu pelas vias normais do corpo. 

 

cisto.jpg